Publicado em Livros

Precisamos falar sobre A Irmandade da Adaga Negra

Vampiros sempre foram minha paixão. Quando era pequena e lançou o filme de Entrevista com o Vampiro, minha mãe não deixava, mas assisti todas as vezes que passava na TV. Achava incrível! Na adolescência comecei a ler Anne Rice (ainda faço uma postagem só sobre ela) e aí o amor só foi crescendo. Teve uma decepção com Crepúsculo no meio do caminho, mas vamos esquecer isso…

A série da Irmandade da Adaga Negra surgiu pra mim no Facebook, de tanto que a Pipe comentava na época. Vampiros + couro + sexo + sangue = só pode ser bom! Pois bem, fui a uma bienal do livro de São Paulo (não lembro exatamente quando) e comprei os três primeiros livros na promoção.

Antes de continuar, observe a quantidade de livros dessa série:

serie2birmandade2bda2badaga2bnegra2bj-r2bward

Coisa pra caralho! Não tem outro termo para te referir à quantidade de livros.

Continuando… Comprei os três primeiros livros e li o primeiro. Cada livro conta a história de um dos guerreiros da Irmandade. São vampiros que tem como dever proteger a sua raça dos Redutores. Os Redutores são os “vilões” do livro, por assim dizer, que tem como objetivo exterminar os vampiros. Plot clichêzão né?

Vamos então ao que não é clichê:

  1. Os vampiros são uma espécie diferente da humana e, portanto, não são os mortos-vivos que estamos acostumados. Apesar de terem a questão da luz do sol e de se alimentarem de sangue, o sangue tem que ser de outro do sexo oposto, ou seja, nada de humanos. Além disso, eles estão vivos e se reproduzem e tal. Nada de estaca, cruz, água benta e coisas do capeta.
  2. A autora J. R. Ward criou um universo relativamente novo e cada livro possui um glossário no início para te ajudar a compreender fatos da história.
  3. Temos a Virgem Escriba, criadora da espécie dos vampiros, e Ômega (ainda não identifiquei se possui sexo ou não), criador dos redutores. Percebe-se claramente que a guerra é entre os dois por razões que não entendo ainda, mas sobrou para as criações.
  4. Os redutores sim são mortos-vivos. Eles são escolhidos entre os humanos, aqueles que são bem violêntos e de caráter duvidoso, e após morrerem são ressucitados por Ômega. São praticamente albinos e, vamos a parte tosca, cheiram a talco de bebê (???????????)

Esse foi um resumão feito por mim. É difícil resumir porque a história segue um caminho a cada livro.

O primeiro, Amante Sombrio, conta a história do rei Wrath e da sua shellan Beth. Ser wrathapresentado diretamente ao rei já no primeiro livro esclarece muita coisa para quem está começando. De todos os livros da série que eu li, achei este o mais fraco quando comparado aos outros, também por ser mais simples e não ter ainda a trama formada. Como disse anteriormente, o livro tem sexo, bastante sexo. O problema é que a tradução claramente se perdeu e tentou fazer o que eu chamo de “sexo poético”. Pegou todos os palavrões do livro, que no original são muitos, e amenizou tudo, inclusive as cenas de sexo. Outra coisa que me incomoda um pouco, e isso tem em todos os livros que li, são as cenas desnecessárias. Tem umas cenas de sexo em uns momentos tão nada a ver, que eu paro de ler, faço cara de conteúdo e fico tentando entender o quão ninfomaníacos esses vampiros podem ser…

Ps.: A foto do Jason Momoa é só porque eu acho que ele seria um excelente Wrath.

Amante Eterno conta a história do Rhage e da Mary. Nesse livro começa a saga das esposas estranhas. Cada um arruma uma esposa mais estranha do que a outra. Gostei bastante deste, porque achei a história do Rhage bem interessante, principalmente a maldição dele (apesar de achar que ela não é muito justificada no final).

Amante Desperto é a história do Zsadist e foi minha maior decepção até agora. O livro não é ruim, pelo contrário, o problema é que eu esperava uma coisa TOTALMENTE diferente do que eu li. Eu tinha uma visão muito diferente do Zsadist e quando começou aquela história super sofrida e tal, fiquei um pouco decepcionada. Sofre aqui, sofre ali, mais sofrimento. Foi sofrimento demais. mas o livro é bom e eu gosto da Bella.

b00ec9643a0450e352cf6a32b943be8eSaindo da minha maior decepção e indo para minha maior surpresa: Amante Revelado. Gente! Meu livro favorito até agora! Eu estava sem muita empolgação para ler a história do Butch, porque não tinha me conectado muito com ele durante os outros livros. Mas nossa! Foi um tiro a cada capítulo! E o principal: SHIPPO BUTCH X VISHOUS. Obrigada de nada. Não importa com quem eles tenham ficado no final.

Amante Liberto foi o último que eu li. A história é do Vishous e eu continuo shippando ele com o Butch. Ele mesmo se shippa com o Butch. Fim.

Li o livro super rápido e assim como o anterior terminei com cara de QUE QUE TA CONTECENO AQUI??? O final de Amante Revelado ainda não superei e nem vou superar. O final deste já foi algo que eu não curti muito o que aconteceu com a Jane. Às vezes tem uma justificativa no futuro, mas por enquanto achei totalmente desnecessário.

Bem, podemos ver que ainda faltam SÓ 10 livros da série para eu ler. O lado bom é que eu já tento todos, com excessão do último, Os Sombras. Meu medo é que a cada vez que eu pisco ela lança um livro novo!

O próximo livro é Amante Consagrado que conta a história do Phury. Não estou empolgada para ler, porque acho ele muito chato e drama queen demais… Contudo, o último livro que eu também não estava empolgada para ler acabou se tornando o meu favorito. Quem sabe….

Enfim, aconselho a todos que gostam dessa temática. É muito bom e divertido. Tem romance, tem drama, tem briga e tem sexo (mas já aviso que é um sexo um tanto voltado para mulheres).

Anúncios

Um comentário em “Precisamos falar sobre A Irmandade da Adaga Negra

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s